PÁGINA INICIAL RÁDIO VIP VIP TV ARTIGOS PLANTÃO MÉDICO CASOS E ACASOS

Páginas

quarta-feira, 11 de junho de 2014

Congresso decide derrubar conselhos populares

Formou-se no Congresso uma sólida maioria a favor da derrubada do decreto editado por Dilma Rousseff para obrigar todos os órgãos federais a incluir conselhos populares nos seus organogramas. Inaugurada pela oposição, a resistência ao decreto presidencial ganhou a adesão de partidos governistas. Entre eles o PMDB. Se o Planalto não recuar, a novidade será enterrada pelo Legislativo.

Nesta terça-feira, uma obstrução promovida por quatro partidos oposicionistas (DEM, PSDB, PPS e SDD) e um governista (PSD) paralisou o plenário da Câmara, derrubando a sessão. Autor de um projeto que revoga o decreto de Dilma, o deputado pernambucano Mendonça Filho, líder do DEM, foi ao microfone para anunciar o bloqueio.

“A partir de agora, estamos em obstrução total em defesa da autonomia do Poder Legislativo e para fazer com que o Palácio do Planalto nos escute”, disse Mendonça. “Não aceitamos esse decreto arbitrário, ditatorial, que passa por cima do Parlamento brasileiro. […] Ou o presidente da Câmara e a Casa se pronunciam e aceitam votar esse decreto, ou não teremos outras votações.”
(Josias de Sousa)

Do Blog: Uma luz no fim do túnel.O Decreto 8.243 do Executivo é imoral e abre as portas para o PT se perpetuar no poder. 

Nenhum comentário: