PÁGINA INICIAL RÁDIO VIP VIP TV ARTIGOS CANAIS YOUTUBE CASOS E ACASOS

Páginas

quinta-feira, 11 de dezembro de 2014

Mais um trecho do discurso de Lula para a militância

“Cadê os intelectuais do PT? Eram tantos! E eles sonhavam estar no PT porque acreditavam no discurso que nós fazíamos. Quantos e quantos intelectuais… A começar por duas figuras nobres: Sérgio Buarque de Holanda e Mário Pedrosa, acompanhados de Apolônio de Carvalho. Eles pareciam meninos sonhando quando a gente criou PT. Era tudo o que eles queriam na vida. Um partido de esquerda, onde os trabalhadores tivessem a maioria nesse partido.
“Houve um tempo em que a gente ia pra um comício do PT e a grande maioria era de jovens de 25, 26 e até 27 anos. E nós, muitas vezes, somos pais dessa gente que taí. Quem sabe nós não estamos conseguindo convencer essa gente a ter a mesma esperança, o mesmo sonho que nos tivemos quando começamos o PT. Então, é preciso voltar a construir sonhos. É preciso voltar a construir utopias.”
Do Blog: Tai uma grande verdade! Tem horas que o molusco vira a chave e diz coisas coerentes. Eu fiz parte desse PT e acreditava no discurso que era feito. Sonhava que Lula pudesse pôr em prática, além do seu discurso, a ideologia petista e construísse um país onde os trabalhadores se orgulhassem, principalmente, de um governo honesto.
Hoje o partido que deveria ser exemplo, assim como o foi antes de ser governo, prega o ódio entre as classes sociais, oferece esmolas para os mais pobres tirando a sua dignidade e está afundado em um mar de lama.

Eu conheço o PT de antes e o de hoje. Portanto Sr. ex-presidente, essa é a resposta de para onde foram os intelectuais que fundaram o PT.

Um comentário:

  1. Eu também fiz parte destes jovens, que acreditavam em uma vida melhor, para os menos afortunados, na politica com um pouco só de honestidade, por que 100% é ultrapassar tudo e todos neste mundo, e isso não existe. Mas este pessoal, chega ao poder e de cara se alia ao que tem de pior na direita asquerosa, passar a frequentar os mesmo lugares deste imorais, ai passam a mentir, a roubar, a dizer que se fizemos isto, foi por que os tucanos também fizeram. Parece, que se a tucanada não existisse, não existiram a ptralhada. São covardes, são mentirosos, são falastrões, são arrogantes, etc... e tem também o caudilho mor, que mesmo sendo falastrão, não diz nada sobre o roubo na petrobras.
    PEREIRA - LONDRINA - Pr.

    ResponderExcluir

Deixe o seu comentário