PÁGINA INICIAL RÁDIO VIP VIP TV ARTIGOS CANAIS YOUTUBE CASOS E ACASOS

Páginas

quarta-feira, 18 de março de 2015

Ministro confirma intenção do governo de elevar imposto sobre herança

O aumento da cobrança de impostos sobre herança está, oficialmente, na pauta do governo. O ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, confirmou nesta terça-feira que o Ministério da Fazenda está analisando aumentar a tributação sobre heranças, explicando que esse tipo de cobrança é adotada por vários países e que é menos complicada que a taxação de grandes fortunas, defendida por petistas.

 "Tributos sobre grandes fortunas poderiam gerar movimentos especulativos", disse, em audiência na Comissão de Assuntos Econômicas (CAE) do Senado. A alternativa que deve ser executada pelo governo pode elevar a alíquota do Imposto sobre Transmissão Causa Mortis e Doação (ITCMD), caso seja aprovada pelo Congresso - o porcentual ainda está em discussão.

A proposta, contudo, não é suficiente para acalmar os ânimos da bancada petista, que exigem penalização maior das classes mais abastadas. Depois de criticar uma política econômica mais austera durante o período eleitoral, o partido tenta justificar a mudança de discurso junto aos eleitores - muitos dos quais estão furiosos. Penalizar os mais ricos em maior grau seria uma forma de responder às camadas mais baixas. Estava na pauta do PT a tributação de grandes fortunas e a taxação de lucros e dividendos.


Do Blog: A questão não é criar ou aumentar impostos. É a irresponsabilidade do governo para geri-los. Citamos como exemplo a CPMI para saúde. O povo já está cansado de tantos impostos. O povo não aguenta mais impostos. E não venha aqui fazer comparações com outros países que oferecem os serviços básicos aos cidadãos como manda a constituição.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe o seu comentário