PÁGINA INICIAL RÁDIO VIP VIP TV ARTIGOS CANAIS YOUTUBE CASOS E ACASOS

Páginas

segunda-feira, 11 de maio de 2015

Governo sem futuro

Na última semana, o IBGE divulgou a taxa de desemprego no Brasil, por região, e o resultado apontou o aumento de desempregados em todo o país. Isso já era esperado pelos economistas. A ‘novidade’ se deu por conta que o Rio Grande do Norte assumiu a lanterna do ranking com uma taxa de desemprego de 11,5% – bem acima da média da região Nordeste, que obteve a maior taxa regional (9,6%), e da média da região Sul, que ficou com o menor índice (5,1%).

Para quem acompanha a evolução desse estudo, não ver com surpresa o pífio desempenho do RN, que, há anos, vem perseguindo o último lugar do ranking, alternando-se sempre entre a segunda e terceira piores posições.
Esse resultado do estado potiguar não é um fato isolado e, também, não deve ser simplesmente atribuído ao atual e péssimo cenário da economia nacional.
Trata-se de uma corrosão contínua patrocinada por sucessivas gestões incompetentes, irresponsáveis, corruptas e impregnadas de vícios políticos que travam o progresso, o desenvolvimento e o crescimento de qualquer economia.

(Herzogue)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe o seu comentário