PÁGINA INICIAL RÁDIO VIP VIP TV ARTIGOS PLANTÃO MÉDICO CASOS E ACASOS

Páginas

domingo, 1 de novembro de 2015

Surpresas na política alexandriense


Rodou nas redes sociais uma foto de um encontro político que mudou, deu uma guinada, no andamento para as eleições de 2016 em Alexandria. A foto em questão está no facebook de Jânia Fernandes.

A foto fala muito e traz novidades. Diante do quadro que formava antes e que se imaginava que tomaria uma proporção que aniquilaria alguns políticos locais, traz as cores de uma nova abertura para o quadro político local.

Por exemplo: Poucos imaginariam que o vereador Júnior Abrantes seria clicado nessa foto e nesse ângulo. É ele que está do lado esquerdo de Jânia Fernandes e o ex-prefeito Alberto Patrício.

Há pouco tempo se cantava em Alexandria que até novembro ela (Jânia) viria para o grupo político de Jeane Ferreira para ser vice. Com os sete vereadores que davam sustentação ao prefeito Nei Rossatto, consequentemente o grupo do Hospital Guiomar Fernandes e os médicos David Abrantes e Hernani Júnior o páreo seria passar por cima de quem aparecesse pela frente. O primeiro seria o ex-prefeito Alberto Patrício. Boatos de que, se pela primeira vez a Câmara de Alexandria votou por uma abertura de CPI para investigar uma administração pública, poderia também inovar e votar pelo veto das contas de um ex-prefeito. Tudo pode acontecer, mesmo existindo esse paternalismo entre eles. “Hoje sou eu, amanhã é tu.”

Como disse Magalhães Pinto, a política é como nuvem. Você olha e ela esta de um jeito. Olha de novo e ela já mudou. Alexandria não foge a regra. Júnior Abrantes, Jânia Fernandes e Alberto Patrício. Se aposta em Alberto na cabeça de chapa. Quem seria o vice?


Olha a nuvem aí gente!

2 comentários:

Isaias Andrade disse...

Começa as articulações e nessa ária Alberto e um mestre !! Sem desmerece ninguém mais isso não que dizer que o povo aceite !!

Anônimo disse...

Sinceramente uma lastima, de novidade não vejo nada. Entra ano e sai ano e as mesmos atrasos continuam como "representantes". É uma pena ver que devido a nulidade na formação de novas lideranças e pela insistência do alexandriense em dar murro de ponta de faca, nenhuma mudança ocorrerá em um futuro próximo.
Uma tristeza, lamentável essa situação política, quando surgirá um Moisés pra libertar esse povo?