PÁGINA INICIAL RÁDIO VIP VIP TV ARTIGOS CANAIS YOUTUBE CASOS E ACASOS

Páginas

Parabéns Alexandria pelos seus 87 anos de Emancipação Política

segunda-feira, 4 de janeiro de 2016

“Folha” diz que Ministério de Henrique faz ‘maratona de festas’

O site da ‘Folha de São Paulo’ traz como um dos destaques deste domingo (3) os gastos do Ministério do Turismo, pasta que tem como titular Henrique Eduardo Alves (PMDB/RN), com as festas de fim de ano da prefeitura de Natal, governada por Carlos Eduardo Alves (PDT/RN), primo de Henrique.

A matéria mostra que Henrique Eduardo, utilizou cerca de R$ 750 mil para bancar uma “maratona” de festas entre a última semana de dezembro e a primeira de janeiro.

Deste total, R$ 343 mil foram para as comemorações do aniversário da capital potiguar, que ocorrem no período natalino. Outros R$ 307 mil foram destinados ‘Natal em Natal’, com 10 dias de shows gratuitos com 43 atrações musicais, realizados entre 18 e 30 de dezembro.

Os recursos bancaram os cachês de artistas como Elba Ramalho, Paralamas do Sucesso, Fafá de Belém e Margareth Menezes.

Jucurutu
Ainda foram repassados R$ 103 mil para a “Festa dos Santos Reis”. No projeto, a prefeitura informa que “planeja um evento grandioso” com os shows das bandas Araketu e Cavaleiros do Forró.

Ainda houve gastos de R$ 100 mil para festa natalina da cidade de Jucurutu (RN), governada por um prefeito do PMDB, aliado do ministro.

A infraestrutura turística da cidade se resume a um hotel e quatro pousadas, com um total de 70 leitos, conforme consta no próprio projeto enviado.
A matéria da Folha ainda cita outras cidades que receberam recursos do Ministério do Turismo.

Outro lado
Em nota, o Ministério do Turismo informou que os convênios firmados não são regidos por questões partidárias.

“Os critérios para a aprovação de convênios são técnicos e seguem as determinações da Portaria 112.

O documento estabelece que apenas eventos gratuitos, considerados tradicionais e de notório conhecimento popular, podem receber apoio do ministério”, informou.

O ministério ainda informou que, ao longo do ano, “apoiou eventos em diversas localidades, não só no período de final de ano, mas para outras festividades”.

(Portal Agorarn-Carlos Santos)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe o seu comentário