PÁGINA INICIAL RÁDIO VIP VIP TV ARTIGOS CANAIS YOUTUBE CASOS E ACASOS

Páginas

sexta-feira, 4 de março de 2016

Um encontro de mentiras, poucas verdades

Assim foi o que eu vi no pronunciamento de Lula para TV que terminou agora há pouco. Como sempre, o ex-presidente se julga acima de tudo e de todos. Culpou a imprensa, a justiça, a Polícia Federal, o Juiz Moro e classe rica do país pelo que está acontecendo. Enalteceu o seu mandato político de 2002 a 2010 como tudo de positivo que o seu governo fez fosse uma justificativa, mais do que suficiente, para que o seu partido se transformasse em uma quadrilha que depena o Brasil.

Falou como se fosse um rei. Se julgou acima de Lei. Contou estórias de pobre e disse que a elite queria que ele comesse em um cocho. Pronunciou a velha frase repetida milhões de vezes de que a classe rica não quer que pobre suba mais um degrau. Esqueceu o mentiroso  (quem diz é o Google) que começou no seu governo (lembram da marolinha?) e estourou no do “poste” que elegeu a derrocada do Brasil. O mundo de fantasia da propaganda petista está descendo o degrau de que falou o fanfarrão. Esqueceu também de dizer que o povo brasileiro foi enganado, trapaceado, com a mentira de uma economia robusta para ganhar a eleição em 2014.

Se não bastasse o mentiroso, esqueceu de falar da quadrilha que se instalou para roubar a Petrobrás, BNDES e os Fundos de Pensões. Pensa que esquecemos o mensalão? O fanfarrão disse que hoje ninguém poderia ser seu amigo, pois seria perseguido pela PF e pela justiça. Esquece o “todo poderosos” que seus amigos hoje amargam uma cela, muitos deles já condenados pela justiça.


Mas, o fanfarrão prefere achar que tudo isso é uma invenção da justiça, de um juiz que o persegue, da Polícia Federal e da imprensa. Pois bem. Graças a Deus o povo brasileiro pôde saborear que o mentiroso fanfarrão não está cima de todos e da lei.

Um comentário:

  1. Continua o mesmo cafajeste de sempre, mentindo, falando sempre o que os asseclas querem o ouvir, não explicando nada do que estar sendo acusado, e dizendo que no seu desgoverno, fez isso e aquilo, tudo que fez é correto e certo, porque no desgoverno Dilma é esta coisa ruim. Se dizem que que querem acabar com os ganhos sociais, que o desgoverno dele deixou, são poucos, mas com um volume de ganho altíssimo, é de bilhões desviado, para ele e seus asseclas. Espero que desta vez a coisa mude para melhor, que nosso povo tenha mais um pouco de juízo, e não vote, nunca mais em corruPTo...Pereira.

    ResponderExcluir

Deixe o seu comentário