PÁGINA INICIAL RÁDIO VIP VIP TV ARTIGOS PLANTÃO MÉDICO CASOS E ACASOS

Páginas

quinta-feira, 13 de outubro de 2016

Administrar o transporte escolar é um problema para os municípios



Na matéria acima a FEMURN transparece a dificuldade que as prefeituras têm em gerir o transporte escolar. O programa “A Caminho da Escola” abriu oportunidades para diminuir o transporte de estudantes em carros abertos e até em caminhões. O problema são os recursos.

Citando como exemplo Alexandria, a prefeitura vem bancando o transporte escolar porque os recursos chegam com atraso de até quatro meses. No momento os motoristas acenam para uma paralização.

Os contratos com os motoristas do transporte escolar são celebrados pelas prefeituras, portanto, são elas que são responsáveis diretas pelo pagamento. A administração pública do prefeito Raimundo Ferreira vem cumprir com esses pagamentos até que eles sejam repostos. O problema é que os recursos têm que ser tirados de outra fonte. É descobrir um santo para cobrir outro.

Segundo o prefeito, um outro custo elevado, embora necessário, mas que eleva as despesas com o transporte escolar para o município, são os deslocamentos de estudantes pela manhã, a tarde e a noite para Pau dos Ferros. Estudantes que estudam no IFRN e na UERN.

Nenhum comentário: