PÁGINA INICIAL RÁDIO VIP VIP TV ARTIGOS CANAIS YOUTUBE CASOS E ACASOS

Páginas

Um Natal repleto de amor e um ano novo de muita paz e realizações

quarta-feira, 20 de dezembro de 2017

Lula perdeu mais uma



O juiz Carlo Mazza Britto Melfi negou o pedido e, ainda por cima, desmascarou a manobra eleitoral do Jararaca.

“O ex-presidente busca reparação moral independente dos fatos apurados pelo procurador da República, demonstrando preocupação com o meio de divulgação das informações, em detrimento de seu conteúdo.

Deu-se maior relevo à própria convocação da imprensa para fins de informação, do que à veracidade ou não dos fatos imputados, de profunda gravidade e repercussão.
Sendo uma figura pública, o autor teria acesso aos mesmos veículos midiáticos para se defender”.

Tem-se tornado comum, no decorrer da persecução penal dirigida à punição de pessoas de maior notoriedade, a realização de entrevistas, declarações e notas dirigidas à imprensa, o que não é privilégio do órgão incumbido da acusação.

Os próprios advogados, há tempos, têm se valido da mesma estratégia, por vezes por meio de notas de repúdio, esclarecimentos ou cartas abertas.”

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe o seu comentário